sábado, 8 de julho de 2017

Ontem, hoje e sempre

Recentemente eu ouvi a seguinte reflexão: 

"Só existem dois dias no ano que nada pode ser feito. Um se chama ONTEM e o outro se chama AMANHÃ... (Dalai Lama).

Isso me fez lembrar do Alberto Brizola que dizia: ontem já era hoje é o dia e o amanhã poderá não mais chegar.

A minha pergunta para você hoje é:
Na moradia do ontem onde ninguém pode estar a não ser você com as suas memórias, nas nuvens do amanhã onde os seus sonhos podem alcançar algo que talvez sequer aconteça ou na casa do hoje usando as experiências adquiridas ontem que permitirão constituir uma mansão para estar mais seguro amanhã?

Apesar de ser uma pergunta, na verdade você não tem escolha, muitos vivem no “ontem” ainda que seja hoje, outros depositam hoje as suas esperanças no amanhã e assim o amanhã nunca chega, pois quando chega é hoje, mas as suas esperanças continuam voltadas para o amanhã.

Não há escolhas, você precisa reagir hoje, fazer e acontecer agora, ter as suas iniciativas neste momento. Não permita que o amanhã venha, se torne um hoje, passe a ser ontem e nada seja feito.

Finalizando, se ontem foi um dia mal, não significa que hoje também o será, você pode mudar isso agora e amanhã certamente acordará lembrando que ontem foi um bom dia e neste presente tem grandes chances para novas coisas acontecerem, se boas ou más eu não sei, só importa que aconteçam para que ontem, hoje e amanhã se tornem... SEMPRE.

Um grande abraço,
Joelson Cardozo


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário