Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

PELO MEU AMIGO

Eu acredito em seres "do outro mundo", seres que vão além da nossa compreensão, que nos enxergam e nos aceitam como se fôssemos as “figuras” mais normais do mundo e se permitem não atentar para as nossas imperfeições. 
Eu acredito nesses seres chamados amigos que suportam as nossas chatices, ranzinzices e outras "ices" que só nós temos, eles não estão ali para invejar o que temos ou reparar naquilo que deixamos de ter, nossos adjetivos, tanto bons quanto os ruins, são simplesmente nossos e aquilo que nos une não será mais forte ou mais fraco por termos mais qualidades do que defeitos e vice-versa.
Eu acredito nos amigos que são de janeiro a Janeiro, independente da proximidade que temos ou da distância que nos separa, se somos simplesmente somos e pronto. 
Também creio nos irmãos tão chegados quanto amigos e nos amigos mais chegados que irmãos, pois a Santa Palavra me ensina a segunda parte e eu vivo a primeira.
Existem amigos que são como espiões e aparecem na ho…

Ontem, hoje e sempre

Recentemente eu ouvi a seguinte reflexão: 
"Só existem dois dias no ano que nada pode ser feito. Um se chama ONTEM e o outro se chama AMANHÃ... (Dalai Lama).
Isso me fez lembrar do Alberto Brizola que dizia: ontem já era hoje é o dia e o amanhã poderá não mais chegar.
A minha pergunta para você hoje é: Na moradia do ontem onde ninguém pode estar a não ser você com as suas memórias, nas nuvens do amanhã onde os seus sonhos podem alcançar algo que talvez sequer aconteça ou na casa do hoje usando as experiências adquiridas ontem que permitirão constituir uma mansão para estar mais seguro amanhã?
Apesar de ser uma pergunta, na verdade você não tem escolha, muitos vivem no “ontem” ainda que seja hoje, outros depositam hoje as suas esperanças no amanhã e assim o amanhã nunca chega, pois quando chega é hoje, mas as suas esperanças continuam voltadas para o amanhã.
Não há escolhas, você precisa reagir hoje, fazer e acontecer agora, ter as suas iniciativas neste momento. Não permita que o amanh…

Mãos ao alto, isso é um assalto!

Roubaram-nos a moral e assassinaram a vergonha na cara, as autoridades disseram que não houve roubo, apenas a moral se molda em cada sociedade e em cada tempo, sobrou para nós a falta de vergonha na cara e a imoralidade que, incrível, passou a ser a nova moral.
Roubaram-nos a liberdade de nos expressar para dar a quem já tinha, pois éramos todos iguais, agora só alguns tem esse direito porque alegaram ser perseguidos e os perseguidos agora somos nós que NÃO perseguíamos, apenas nos expressávamos contrariamente aquilo que discordávamos, simplesmente por usarmos como referencial maior Aquele que é a verdade, e a verdade é Cristo. Nos tornamos como o soldado “raso” quando inicia a sua carreira militar, tendo o direito de não ter direito e de não abusar do direito que tem.
Agora estão querendo tirar de nós a liberdade religiosa, pois é isso que acontece quando um país é regido pela falta de vergonha na cara, imoralidade e censura à liberdade de expressão, mas eu não preciso ficar surpres…